Como saber se o vidro pode ir ao forno

O vidro tem características únicas para a praticidade do dia a dia, mas muita gente ainda sente dificuldade na hora de saber se o vasilhame pode ou não ir para o freezer ou forno.

Venha entender melhor como o vidro se torna resistente ao calor e como utilizá-lo corretamente!

Tópico 1: O que faz um vidro poder ir ao forno

Os vidros podem passar por vários processos que trazem qualidades diversas. As refratárias, por exemplo, são fabricadas para serem utilizadas no forno e por isso podem resistir a temperaturas altas, outros potes de vidros no entanto, são fabricados para serem utilizados em temperaturas mais baixas, e por isso não possuem o tratamento necessário que possibilite grandes variações de temperatura.

Vidro Temperado

Após fabricado e moldado no formato desejado, o vidro é reaquecido em altas temperaturas,  e logo em seguida exposto a um resfriamento rápido, esse processo  faz com que se forme uma tensão interna que confere ao vidro a resistência a elevação de temperaturas.  

Tópico 2: Como reconhecer vidros que podem ir ao forno

Antes de utilizar uma refratária de vidro no forno verifique se ela possui este símbolo:

Tópico 3: Porque utilizar vidros na cozinha

Se você já acompanha a nossa página há algum tempo, já sabe que a melhor forma de conservar seu alimento é no vidro.

Mas se você ainda não conhece nossos posts antigos, aqui vai um pequeno resumo da importância que o vidro pode ter na sua saúde:

O vidro é um material inerte, o que quer dizer que ele não reage com os alimentos, protegendo-os. Não reagir com o alimento é algo ótimo não só porque não altera o sabor do alimento, mas também porque conserva as suas propriedades e nutrientes.

Se fechado corretamente, o vidro pode conservar por mais tempo o seu conteúdo, pois ele não permite que haja troca de ar com o meio externo, o que impede a proliferação de microorganismos.

Se você quiser saber mais sobre as vantagens do vidro para a conservação dos seus alimentos, fizemos um post exatamente sobre isso neste link.

Tópico 4: Dicas para usar refratários de vidro no forno

Sim, o vidro temperado é ótimo e mais resistente se comparado ao vidro comum, porém, é preciso entender que ele precisa de alguns cuidados especiais para que ele continue brilhando na sua dispensa, geladeira ou forno!

Então já salva esse post para ter sempre o melhor dos vidros!

  1. Evite produtos abrasivos como palha de aço e produtos com muita soda, pois eles podem criar microfissuras que com o tempo não só tornam o vidro fosco e mais frágil.
  2. Produtos pontiagudos podem riscar ou até mesmo quebrar seu vidro. Prefira sempre utensílios de madeira ou silicone para manipular seus alimentos dentro do refratário.
  3. Apesar de poder ir ao freezer e ao forno, não é uma boa ideia tirar de um e colocar diretamente no outro. Mudanças bruscas de temperatura podem danificar seu vidro!
  4. Verifique sempre se o material da tampa do refratário pode acompanhar dentro do forno. Cuidado com tampas de plástico e madeira.
  5. Evite usar vasilhames e refratários lascados, pois a rachadura pode expandir e machucar!
  6. Para tirar manchas de gordura, uma mistura de detergente e bicarbonato de sódio podem auxiliar bastante.
  7. Vidros com detalhes metálicos precisam de atenção extra, os metais não podem ser utilizados no micro-ondas.
Agora que você conhece um pouco mais sobre o vidro, que tal aproveitar para fazer aquela lasanha caseira usando um refratário de vidro?

GOSTOU?!

Receba este e todos os outros assim que saírem! É só colocar seu e-mail aqui embaixo para receber a nossa Newsletter e receba novidades saídas do forno!

INSCREVA-SE NA NOSSA NEWSLETER

O portal É Puro, É Vidro é uma iniciativa da ABIVIDRO, e segue suas diretrizes de Política de Privacidade.